• Papai no Controle

AMAMENTAÇÃO – ajude sua companheira a sobreviver!


A mamãe no controle fala que peito de mãe passa pelo teste dos primeiros 20 dias. Se ela conseguir amamentar por esse período e sobreviver, vai tirar o resto de letra e permitir que os bebês mamem por muito tempo. Já que não temos o tão poderoso peito, nossa missão como super pais é fazer sua mulher resistir à guerra e vencer a batalha da amamentação.

Seja o ponto forte

O bebê nasceu e mamou pela primeira vez. A sensação é nova tanto pra mãe quanto pra criança e a última coisa que ela precisa ouvir é uma crítica ou palavra de desânimo. A mulher fica debilitada, sensível e sente muita dor. Eu nunca ouvi um relato de mães que iniciaram a amamentação de forma tranquila e sem traumas. O peito racha, sangra, empedra, inflama, dói, queima, cria casca e quando está para cicatrizar... começa tudo de novo. Afinal, ela é a única fornecedora de alimento para o bebê. E o que o pai tem a ver com isso? Tudo. Se vire pra ser o ponto forte da relação.

Os 20 primeiros dias

- O bebê nasceu e nos primeiros 3 dias após o parto, o leite ainda é ralo e recebe o nome de colostro. Com isso, o bebê pode não ficar saciado e ter choros contínuos de fome. Passei por isso na primeira noite de vida da Tarsila. Ela chorou desesperadamente por umas quatro horas, até que uma enfermeira chegou e disse que o escândalo era fome. Sei que os pediatras vão querer me matar, mas não custa nada dar um copinho de complemento para acalmar a população nos primeiros dias. Só não fique dependente disso. Experiência própria.

- Acompanhe as dicas do banco de leite ainda na maternidade. Provavelmente sua esposa vai se esquecer tudo o que foi falado. São muitas emoções. Guarde o telefone com você para situações futuras.

- Passados os três dias o leite mais grosso e forte finalmente chega. Provavelmente o peito vai ficar muito duro e pode empedrar. Isso deve doer. Quando a mama está muito dura, a criança não consegue mamar, pois o bico do peito escorrega. Não coloque água quente, pois isso amolece o peito, mas aumenta a produção de leite. Segure o peitão, faça massagens circulares ao redor do bico. E o leite vai começar a sair aos poucos. Veja se sua esposa consegue usar algum aparelho para retirar um pouco de leite. Amolecido o peito, chame o bebê pra refeição.

- Outra coisa que você deve ajudar é na parte de logística. Crie um ambiente tranquilo, com uma poltrona e um banco para ela colocar as pernas. Se certifique de dar água e comida saudável pra sua esposa. Fique com a visita na sala enquanto ela amamenta em paz. Brinque com o filho mais velho, que faz de tudo para chamar a atenção na hora da amamentação. Coloque o bebê para arrotar e troque a fralda enquanto a mamãe tira um cochilo pra próxima mamada.

- O peito feriu. E agora? Calma, isso deve acontecer com 99% da mulherada. Você precisa tomar o controle da situação. Normalmente os médicos mandam passar Bepantol e essas pomadas que não resolvem muita coisa, mas tem que lavar o peito antes da mamada para o bebê não ficar comendo pomada. A coisa que funcionou melhor para a minha esposa foi (pasmem!!) casca de banana! A nossa obstetra passou a dica e foi a única coisa que resolveu. A banana tem propriedades cicatrizantes, você pega a casca, corta um quadradinho e coloca a parte de dentro em contato com o bico do peito por algumas horas. Depois vá trocando. Quando o bebê for mamar ele não vai estranhar tanto o cheiro e a banana e a substância não vai fazer mal. Intercale essa dica com o banho de sol no peito. Faça um esquema em casa para que sua esposa possa colocar o peitão no sol durante a manhã. Isso ajuda no processo de cicatrização.

- Se a coisa sair do seu controle, não hesite. Procure ajuda no banco de leite, ligue para os bombeiros, marque uma consulta, chame aquela amiga experiente em que ela confia.

- As mulheres tendem a ficar muito frustradas quando não conseguem amamentar. Se tudo der errado, dê o seu apoio e não deixe que ela se sinta incapaz. É melhor garantir a saúde da família com complementos e leites artificiais do que forçar uma situação e perder o controle dentro de casa. Vai por mim. Apoio moral é tudo.

Siga essas dicas e tenha um início de amamentação tranquilo. Força total nos primeiros 20 dias e, eu garanto, seu bebê terá uma amamentação prolongada e sua esposa ficará muito orgulhosa do papai no controle que você se tornou.

Benefícios do leite materno

Como pai que se preze, preciso chamar a atenção de vocês para os benefícios que o leite materno possui. O leite é vivo e não existe nenhum outro componente sintético que possa substituí-lo. Estudos mostram que o leite materno possui anticorpos que protegem a criança contra infecções, doenças respiratórias, infecções urinárias e otites. Diminui o risco de o bebê ter doenças mais graves, como diabete e leucemia, e reduz a tendência a problemas alérgicos.

Segundo o site BabyCenter, amamentar também deixa a mãe mais saudável. Ao dar o peito ao filho, ela reduz seu risco de ter câncer de mama pré-menopausa e câncer de ovário. Um grande benefício da amamentação é sem dúvida a conveniência. Pelos primeiros seis meses de vida do bebê, ele não precisa tomar mais absolutamente nada. Você não terá nada para lavar, esterilizar, preparar e carregar. E, por fim, não se pode esquecer um dado importantíssimo: amamentar é grátis! Fórmulas infantis são caras e podem pesar em qualquer orçamento. Sem contar todos os apetrechos necessários, como mamadeiras, bicos e esterilizadores.

Além da estética

Muitos homens (e mulheres também) associam a amamentação com o fim do corpo escultural. Não vou negar que uma gravidez muda o corpo da mulher em todos os aspectos, mas você decidiu engravidar e não pode agora desistir de dar saúde pro seu filho por medo que a sua esposa tenha mudanças físicas. Talvez companheiro, você esteja pensando na estética e não no afeto. Apoie a sua esposa, pois uma palavra sua pode criar monstros na cabeça dela. Um peito bonito não substitui momentos de afeto entre a mãe e um bebê.

Agradecemos aos IGs:

Erica e maria Izabella - @mai_erica

Camila Rocha - @rocha.cami

Tais Barros - @taiisbarros

Rochelle Virmond - @rochelle.naturologa.doula

Marina Gusmatti - @marri_gusmatti

Anne Rosa - @familia__rosa

Kerollayne - @kellbjj

Priscila Kikushi - @prikikushi

Laís Maggiotto - @laismaggiotto

Nathália Silveira - @srtasilveira_

*Todas essas imagens foram cedidas gratuitamente e poderão ser retirada a qualquer monto desde que solicitado pelo dona da imagem.

#paideprimeiraviagem #bebê #maternidade #gravidez #saude #Paternidade #papainocontrole #crianças #família #paidemenina #dicas #parto

 Brasília DF  |      © 2015 Papai no controle  | blogpapainocontrole.com