• BabyCenter Brasil

Bebês precisam de sapatos?


O bebê começa a ficar de pé e logo vem a dúvida: Será que ele já precisa usar sapatos? A maioria dos pediatras e especialistas afirmam que o bebê só precisa usar sapatos quando estiver andando firme e fora de casa. justamente para evitar a contaminação dos pézinhos.

Eu demorei muito para colocar meias (quem dirá sapatos) nos meus recém-nascidos. Lógico que fui amplamente julgada por todas as "mães-perfeitas" do planeta. O Fato é que Tarsila e Ravi nasceram em plena seca do planalto central e me incomodava muito ver os pés deles cobertos. Só depois, com a temperatura mais amena é que me entreguei aos zilhões de modelos fofos que Tarsila ganhou ao longo da gestação.

Estávamos prestes à presenciar os primeiros passinhos quando essa dúvida voltou com tudo. Como facilitar as aulas de caminhada dos meus filhos? Sapato ? Meias? Descalços?

A neurociência diz que quanto maior a quantidade e qualidade das atividades sensoriais, mais fácil é para o cérebro se adaptar aquela situação. É necessário deixar o corpo o mais livre possível para captar todas as sensações seguras que o ambiente pode produzir. É a experiência chegando na vida dos nossos bebês.

O simples fato de andar descalço em um ambiente adequado ajuda a fortalecer os pés e os músculos das pernas. Além de gerar essa consciência corporal que tanto precisamos. Sem sapatos, nem meias, o bebê sente melhor o contato com o chão e consegue se equilibrar mais, sendo possível "agarrar o chão" com os dedinhos e gerando maior segurança e equilíbrio.

Essa repetição de tentativa e erro é fundamental pros baixinhos. Eles aprendem a posição certa para cair sem se machucar e podem passar horas mergulhados nessa aula. Ravi quase não engatinhou, usou muito pouco o andador (sim, andador) e já partiu para o equilíbrio nas paredes e pelos móveis da casa. Mas foi depois de alguns longos dias abaixando e levantando que ele disparou a andar! A inserção no assunto foi tanta que às vezes dormindo, ele ficava de pé no berço! kkkk! Era o cérebro exercitando até enquanto dormia.

Nessa época, nada de sapatos nem meias. Eu tentava ao máximo mantê-lo com os pés no chão. Era o nosso instinto nos direcionando. Mas na rua não tinha jeito. Eles precisavam usar sapatos! Então optamos pelos calçados mais leves e que se adequasse bem à anatomia dos pés gordinhos. Meias com solados de borracha também foram uma ótima opção!

Agora sim, Ravi já tem 1 aninho e anda pra todo lado! Nesse momento colocamos os sapatos mais firmes, tênis e milhares de meias de todos os tipos. Tarsila está com 4 anos! Ela sempre escolhe o que vai calçar e opina bastante sobre isso, já que os pés crescem muito rápido e as vezes a gente não percebe que estão apertados.

Acho digno observar se a criança está se adaptando bem ao sapato. Em qualquer sinal de desconforto, arranco fora sem pestanejar!


 Brasília DF  |      © 2015 Papai no controle  | blogpapainocontrole.com