• Papai no Controle

Viagem com crianças - POR ONDE COMEÇAR?


Se viajar com uma criança era um desafio, a aventura agora será em dose dupla. Mas afinal, qual a melhor forma de planejar uma viagem com seus pequenos? Tudo vai depender da idade, do perfil da família, das preferências. Vou dar umas dicas para vocês que funcionaram muito bem por aqui. Nossos companheirinhos foram Tarsila, 3 anos, e Ravi, com apenas 6 meses.

DESTINO

Decidimos não nos arriscar muito, já que era a primeira temporada com o novo integrante da família. Optamos por um local que eu e mamãe já conhecíamos bem. Natal, Rio Grande do Norte. O local reúne opções de lazer para a Tarsila, tranquilidade pra gente, feiras, comércios que gostamos muito e principalmente: parentes, que podem nos dar aquela forcinha, afinal, passar 15 dias sem rede de apoio é bem cansativo!

MEIO DE TRANSPORTE

Confesso que o meu desejo era ir pra Natal de carro. Mas, a ideia de andar mais de 2 mil km com uma criança de 3 anos e um bebê de 6 meses trancadas em um veículo me fizeram desistir. O avião foi a melhor alternativa e nos daria o conforto e agilidade que precisávamos. O fato da Jamile enjoar dentro do carro também pesou muito na decisão, já que ela teria que ir dirigindo. Procuramos uma época de baixa temporada e compramos as passagens em sites de pesquisa, com 5 meses de antecedência, o que nos garantiu um valor bem abaixo do normal.

ESTADIA

Parte fundamental do processo. Escolhemos um resort

bem pertinho da praia e com todas as opções de comércio e diversão necessárias para manter a Tarsila ocupada por muitas horas! A proximidade com a praia e as piscinas facilitaram demais nossa vida. A gente passava a manhã na praia e a tarde subíamos para a piscina. Quando rolava alguma emergência dessas que enchem a fraldinha, ficava fácil subir no hotel e resolver a situação.

BAGAGEM

Quem nunca exagerou na mala que atire a primeira pedra! Tivemos que pagar para despachar duas malas na ida e três na volta! Apesar do valor adicional, isso nos garantiu ter as mãos livres para entrar e sair do avião e espaço suficiente para trazer nossas comprinhas! Além das malas, despachamos o carrinho de bebê e o bebê conforto para usar no carro que alugamos por lá. Não pagamos nada a mais por isso, já que estava incluso na cota do Ravi.

Também fizemos um cronograma básico com os locais a visitar, a quantidade de dinheiro para gastar por dia, necessidade de alugar carro e as preferências de cada um. Assim nossa viagem ficou mais leve e sem muitos imprevistos.

Nos próximos dias vamos postar detalhes sobre as nossas aventuras. Espero ter te influenciado! Viajar é vida!


 Brasília DF  |      © 2015 Papai no controle  | blogpapainocontrole.com